Lonesome when you go.

Talk to me   Prazer, Thays. Sim, com H e Y. 20 anos. Acabei de entrar pra faculdade que eu sempre sonhei e, nossa, como faz bem realizar um sonho. Namoro a 3 anos, dia 20 de janeiro completa 4. Vitor é o nome do grande sortudo (ou não). Sou completamente alucinada pela minha família e não sei quem eu sou longe deles. Tenho amigos que são essenciais para minha sanidade, mas não sei se eles sabem disso. Enfim, tá bom pra descrição, né?

"Eu sei, sou um porre. É muito difícil me aturar. Eu sei que você não tem paciência, mas aguenta mais um pouco. Sei o drama e a confusão que sou, mas não desiste de me entender. Sei que dá vontade de me mandar embora, de me jogar em meios aos lobos, mas espere… Não faça isso, por favor! Se for para me jogar em algum lugar, que seja embaixo dos teus abraços e diga que apesar de tudo, eu sou inesquecível."
Jô Costa.   (via lettres-a-paris)

(Source: ofuscador, via llost-in-dreams)

— 2 weeks ago with 6457 notes
"Existem duas maneiras de um homem amar verdadeiramente uma mulher, a primeira é quando ele se torna o melhor amigo dela e depois se apaixona; mas existe uma outra, que é quando ele se apaixona e depois aprende a ser o seu melhor amigo."
Autor Desconhecido. (via motivando)

(Source: percebeu, via melnaboca)

— 2 months ago with 24678 notes
Vontade de gritar que eu te amo muito, pena que são 3 a.m e fica complicado pra eu fazer isso com a vizinhança toda dormindo. Às vezes, de repente, do nada mesmo… eu me vejo pensando na gente e me dando por conta o quanto nós somos felizes. Não gosto de englobar “nós” em uma frase que eu tô escrevendo sozinha, mas tenho quase certeza que te faço tão feliz quanto você me faz, e isso é demais! Pode parecer meio prepotente da minha parte, mas já te disse isso outra vez, nos considero o casal mais legal que eu conheço. Não preciso fazer joguinho com você, não preciso fingir que não sou eu mesma e melhor: não preciso me desculpar por ser eu mesma. Nem você. Acho sobrenatural esse poder de aceitação que nós temos. Te aceito em cada detalhe e me entrego por completa pra você. 
É isso, te amo.

Vontade de gritar que eu te amo muito, pena que são 3 a.m e fica complicado pra eu fazer isso com a vizinhança toda dormindo. Às vezes, de repente, do nada mesmo… eu me vejo pensando na gente e me dando por conta o quanto nós somos felizes. Não gosto de englobar “nós” em uma frase que eu tô escrevendo sozinha, mas tenho quase certeza que te faço tão feliz quanto você me faz, e isso é demais! Pode parecer meio prepotente da minha parte, mas já te disse isso outra vez, nos considero o casal mais legal que eu conheço. Não preciso fazer joguinho com você, não preciso fingir que não sou eu mesma e melhor: não preciso me desculpar por ser eu mesma. Nem você. Acho sobrenatural esse poder de aceitação que nós temos. Te aceito em cada detalhe e me entrego por completa pra você. 

É isso, te amo.

— 3 months ago